O que o futuro nos reserva?

Todos os dias vemos notícias do que acontece em nosso país e, neste momento, praticamente só se ouve falar em corrupção. Essa tal corrupção tem destruído aos poucos nosso país. Nossa economia já não é mais a mesma, comerciantes, trabalhadores, universitários estão preocupados com o rumo da economia. Uma boa notícia é que em abril deste ano, nossa economia se estabilizou, após 15 meses seguidos de queda, com crescimento de 0,03% em abril, comparado a março. O Brasil é uma máquina, que é formada por diversas riquezas, tudo que se planta pode ser colhido, tem uma das maiores biodiversidades do mundo. Mas diante de tanta riqueza natural, o homem não soube administrar. Hoje o que se pode ver é a ganância e a briga pelo poder por parte da maioria dos nossos governantes. Para a maioria dos políticos, o povo que se dane.

Vários escândalos podem confirmar o descaso na classe política, como por exemplo, nomes citados no impeachment. Outro descaso é na educação, em São Paulo alunos assistem à aula no chão desde o início deste ano. Como pode ainda vermos notícias deste tipo? A educação sofre com a falta de comprometimento dos políticos que no período das eleições prometem mundos e fundos no discurso proferido em um palanque, para arrancar os votos dos eleitores. Hoje nosso cenário político é muito crítico, mas a maior parte da culpa disso tudo é nossa, dos eleitores que elegeram esta classe política que nos representa hoje. Tudo isso porque muitas vezes também somos corruptos, quando pedimos favores aos políticos, em troca do nosso voto. A eleição está batendo a porta, não sabemos o que o futuro nos reserva. Mas espero que todos nós tenhamos aprendido na pele que o nosso voto faz a diferença para que tenhamos um futuro melhor para o nosso país.

Texto: Caroline Machado