Café colonial em Laguna pretende arrecadar recursos para auxiliar criança de cinco anos

Torta de milho, empadão de frango, pães caseiros, são algumas das opções que estarão à disposição dos participantes de um café colonial que será realizado no próximo domingo, 17, às 16h. O encontro, que acontece nas dependências do hotel Atlântico Sul, no Mar Grosso, em Laguna, tem uma causa nobre: obter fundos para a compra de uma órtese infantil para o menino Pedro Soares, de cinco anos.

“O Pedro nasceu com paralisia cerebral e faz fisioterapia, fonoaudióloga e terapia ocupacional em Tubarão”, explica Priscila Soares, mãe da criança. O equipamento que será adquirido custa R$ 2.215 e já está com os moldes prontos – a expectativa é que seja confeccionado no fim do mês.

A órtese é do tipo suropodalica articulada (AFO) com supramodelagem (SMO) e segundo Priscila, vai ajudar o menino, “ a andar com andador, auxiliar a ficar em pé e sem deformar o membro”. Além do café colonial, outras ações vão ser realizadas, em breve, pela família, como uma rifa.

O valor do ingresso para o café é R$30 e pode ser adquirido com a mãe do menino ou com o hotel Atlântico Sul. Para mais informações, o telefone para contato é: (48) 9 9679-3774 (Priscila).

Serviço

O quê: Café colonial beneficente em prol de Pedro Soares

Quando: 17 de março (domingo) às 16h

Onde: Hotel Atlântico Sul – av. Senador Galotti, Mar Grosso

Valor: R$ 30,00

 

Texto: André Luiz
Jornal Laboratório