Dia dos queridinhos

Todo mundo que tem rede social está acostumado a usar emojis para expressar sentimentos e emoções. Ou também para deixar implícito o que quer falar, mas não pode, nem sabe como, né? Para a sua surpresa (e a nossa também), os queridinhos têm um dia totalmente dedicado a eles. Ontem, dia 17, foi comemorado o Dia Mundial do Emoji.

Criados na década de 1990 no Japão, os emojis foram rapidamente adotados no dia a dia dos usuários de smartphones. Porém, nem sempre significam aquilo que você acha que eles representam. Por isso, para comemorar o dia,  escolhemos os cinco emojis cujo sentido é muito diferente daquilo que nós (e talvez vocês também) costumamos usar!

  Esse foi inspirado no famoso quadro “O Grito” e expressa horror. Mas… Quem usa naquelas horas que alguém conta AQUELE babado, tamo junto!

 

Quando a gente não sabe o que fazer, esse é o emoji ideal.  Entretanto, segundo os criadores japoneses, levantar os braços fazendo um grande “O” significa o simples “OK”.

 

Emoji para representar mal-estar? Nada disso! Usamos mesmo é quando as coisas não saem como o planejado. Mas também pode servir para situações desagradáveis.

 

a origem desse é alguém fazendo careta ou forçando o sorriso. É bem por aí, né pessoal. Quando fazemos algo que não devia, ele é certeiro!

 

E por último, para finalizar a lista, escolhemos o mais usado aqui no Brasil, segundo o G1. Ele expressa amor, “eu amo você” ou “eu amo isso” e é bem válido para as horas que gostamos ou achamos algo muito fofo.

E agora que você já sabe como e para que usar cada um, que tal compartilhar com a galera?

Por Kamila Melo e Lara Silva