Parceria entre PM e população, programa Rede de Vizinhos opera em diferentes bairros de Imbituba

O programa Rede de Vizinhos da Polícia Militar de Santa Catarina nasceu no ano de 2016 e foi institucionalizado pelo comandante geral da PM Paulo Henrique Hemm. O programa é uma estratégia da PM junto à comunidade que tem como objetivo alertar sobre qualquer suspeita de roubo.

Segundo informações do site da PM SC, o programa funciona em seis pontos: 1 – Participação Policial Militar: o policial militar deve ser o gestor de transformação da sua comunidade, participando de forma ativa das atividades da rede; 2 – Reunião de sensibilização: apresentação da Rede de Vizinhos PMSC, exposição do levantamento de situação da localidade, esclarecimento do objeto, dos objetivos, da metodologia, dos benefícios, das dificuldades, dos riscos e da responsabilidade dos participantes; 3 – Rede de comunicação: estabelece um canal de comunicação entre os membros da rede, e o controle é realizado pelo policial militar de ligação; 4 – Reunião de implantação: Formalização da Rede de Vizinhos da PMSC; 5 – Método Iara: Consiste em identificar os problemas de ordem pública na circunscrição da rede, analisar as causas, desenvolver um plano de ação com atividades a serem realizadas e avaliar os resultados obtidos; e 6 – Governança: Manutenção das reuniões regulares de trabalho, e desenvolvimento de ações integradas que fomentem a coprodução e a corresponsabilidade.

Segundo Claudia Guimarães Borges, da Policia Militar, o programa já está em seis bairros de Imbituba e desde que foi implantado, os problemas apresentaram uma queda nesses locais. Segundo ela, o programa funciona por um grupo de WhatsApp. A polícia verifica se a pessoa da família tem algum histórico na Justiça e os que não tiverem histórico conseguem entrar no grupo de WhatsApp. Um policial também participa, para ver as mensagens. E se existir algum perigo é avisado no grupo e a polícia fica sabendo.

Dona Maria Alves, do Centro de Imbituba, diz que depois que o Rede de Vizinhos entrou na sua casa, ela se sente mais segura. Segundo ela, a polícia vem rápido quando é necessário e eles têm sido muito prestativos com o pessoal que está dentro do programa. O programa já está há um ano na comunidade dela.

Se você quiser entrar na Rede de Vizinhos basta seguir os seguintes passos: 1 – Mobilize seus vizinhos; 2 – Com a vizinhança (moradores e/ou comerciantes) mobilizada, procure o comandante da Polícia Militar do seu bairro; 3 – O comandante local estudará a viabilidade da estratégia de Rede de Vizinhos PMSC para a localidade. A Rede de Vizinhos tem a intenção da população ajudar com a Polícia Militar.

 

Texto: Thiago de Souza